sábado, 28 de agosto de 2010

Cupcake com chantilly em dois tempos






O sabor leve do chantilly não é novidade... Sozinho ou acompanhando cafés, chocolates e frutas cítricas o creme é delicioso..E só podia mesmo ser invenção francesa....No Sec. XVII Fritz Carl Vatel experimentou bater o creme de leite fresco com açúcar,dando consistência encorpada à mistura...Reza a lenda que este senhor morava na região de Chantilly o que explica muita coisa inclusive o nome do castelo dos nobres do local, encantados com o doce a tal ponto que rebatizaram sua singela moradia...Outras pesquisas dão conta de que o autor da façanha era suíço, e que de passagem pela França criou o chantilly.Também é esse o nome de uma área do Condado de Faifax(EUA) onde ocorreu a célebre batalha de Chantilly(não me perguntem o que os oponentes usaram como arma)..O melhor é aproveitar o tempo mais ameno para uma receita rápida de chantilly com morangos, combinação imbatível ou ganache de chocolate feito bem rapidinho..


Cupcakes de morango e chantilly


Receita do Cupcake

125g de açúcar
125 g de farinha
2 ovos
½ colher de chá de essência de baunilha
1 colher de chá de fermento em pó
2 colheres de sopa de leite

Modo de fazer

Peneirar açúcar, farinha e fermento.
Adicionar ovos e essência de baunilha
Bater na velocidade máxima ate misturar bem
Adicionar o leite e bater levemente com a colher.
Assar em forno médio por +ou - 20 min.


Chantilly

1 pacote de 500 ml de creme de leite fresco ECILA (n é jabá eu juro, mas só testei esse ate agora)
3 colheres de sopa de açúcar

Deixar no freezer 1/2 h antes de bater.
Bater em velocidade alta até endurecer, tomado cuidado para não virar manteiga. A consistência ideal é próximo ao ponto de claras em neve
Adicionar açúcar e bater rapidamente por alguns segundos, somente para misturar.
Reservar no freezer.


Recheio:

2 caixas de morango
1/2 xícara de açúcar
1/2 xícara de água

Modo de fazer:

Picar o morango
Misturar o açúcar e a água
Deixar marinar por 20 min na geladeira


Montagem:

Apos os bolinhos frios, fazer um círculo no meio com uma faca e retirar a massa
Rechear com o marinado de morango






Confeitar com o chantilly
Enfeitar com pedaços de morangos










Receita de cupcake de Ovomaltine, chocolate e Chantilly


Receita do Cupcake
3 colheres de sopa de açúcar
2 colheres de sopa de Ovomaltine de chocolate
2 colheres de sopa de Nescau
125 gramas de farinha
2 ovos
1/2 colher de chá de essência de baunilha
1 colher de chá de fermento em pó
2 colheres de sopa de leite



Modo de fazer


Peneirar açúcar, Nescau, farinha e fermento.
Adicionar ovos, ovomaltine e essência de baunilha
Bater na velocidade máxima ate misturar bem
Adicionar o leite e bater levemente com a colher.
Assar em forno médio por +ou - 20 min.



Recheio:
1/2 barra de chocolate ao leite meio amargo
1/2 barra de chocolate ao leite (Costumo usar o Alpino, mas pode ser qualquer um)
6 colheres de creme de leite

Modo de fazer: derreter o chocolate por 1 minuto no microondas
Adicionar o creme de leite.

Rechear o cupcake abrindo uma tampinha
No meio, com duas colheres de chá de recheio.
Colocar o chantilly no saco de confeitar. Usei o bico de pitanga grande fazendo uma espiral .










Sugestão:
Usar uma peneira pequena e polvilhar Nescau por cima. Adicionar granulado

terça-feira, 17 de agosto de 2010

Falando de Cupcakes II- Cupcakes de chocolate com Marshmallow

O que o antigo Egito e os marshmallows têm em comum?Incrivelmente, segundo alguns sites na internet os egípcios produziam o mashmallow a partir da seiva de uma planta denominada Marsh Mallow. Verdade ou não o fato é que o doce esta presente na cultura infantil, seja enfeitando sorvetes e bananas-split ou colorindo as fogueiras de acampamentos norte-americanos.Aqui vai uma receita de Cupcake com um toque de marshmallow...A receita eu encontrei em um fórum ,se alguém reconhecer a autoria,por favor me avise...


Marshmallow

1/2 copo (daqueles de requeijão) de claras





2 copos de açúcar de confeiteiro peneirado (Glaçúcar)





1/2 colher de sopa (bem cheia) de emulsificante para sorvete (encontrado em supermercados)







1/2 colher de chá de essência de baunilha


Modo de fazer:

Coloque as claras, o açúcar e o emulsificante na batedeira a ligue na velocidade alta. Deixe bater até "encher" a vasilha.
Quando estiver durinho, coloque a baunilha e bata novamente.






Receita do Cupcake (dobrada)
250g de açúcar
250 gramas de farinha
4 ovos
1 colher de chá de essência de baunilha
2 colheres de chá de fermento em pó
4 colheres de sopa de leite
2 colheres de sopa de Nescau


Modo de fazer







Peneirar açúcar, Nescau, farinha e fermento.
Adicionar ovos e essência de baunilha
Bater na velocidade máxima até misturar bem
Adicionar o leite e bater levemente com a colher.
Assar em forno médio por +ou - 2 min.





Recheio:
1 barra de chocolate ao leite meio amargo







6 colheres de sopa de creme de leite fresco

Modo de fazer: derreter o chocolate por 1 minuto no microondas
Adicionar o creme de leite.








Confeitagem:








Rechear o cupcake abrindo uma tampinha no meio, com duas colheres de chá de recheio.
Colocar o marshmallow no saco de confeitar. Usei o bico de pitanga grande fazendo uma espiral com a massa sobre o bolo..









Decorar com granulado..





























terça-feira, 10 de agosto de 2010

Quitutes Cariocas-I-Pipoca Doce da Praça XV

Que o Centro do Rio tem lugares fantásticos nao é novidade pra ninguém, ainda mais para que trabalha por aqui..Dificil é prestar atenção nos detalhes quando se atravessa a cidade com a pressa de cumprir o horário de trabalho...Ainda assim vale a pena perder um minutinho depois do expediente pra provar a pipoca doce mais gostosa dos arredores....O pipoqueiro fica bem proximo à Rua Primeiro de Março e o cheirinho da pipoca, caramelada e sempre quentinha, chega até o Paço ImperiaL proximo à Rua do Mercado onde fica o famoso Arco do Teles...





(Creditos :http://www.travelstripe.com/images/rio-de-janeiro-praca-xv-de-novembro1.JPG)


Ali também resiste ao tempo o Chafariz do Mestre Valentim, de 1779.Pra quem não sabe, antes do aterro era até onde chegava o mar,que também trouxe a familia real portuguesa em 1808,com regente,mulher,filhos e Maria,a Rainha dita louca..



Praça XV de Novembro-foto do início do séc.XX-fonte:web)


.O chafariz servia de abastecimento para os navios e para a população ,usando a água que vinha da fonte da Carioca,no aqueduto da Lapa,passando pela Rua do cano(atual Sete de setembro)até ali.Pelas pinturas de Debret,artista francês do sec XIX pode-se visualizar o passado doceiro do lugar..






Em suas telas é retratado todo o comércio da praça XV, nas mãos das escravas quituteiras e seus tabuleiros de doces de coco e açúcar..Hoje muito pouco desse comércio restou..Mas ainda há a pipoca, de custo baixo e sabor inigualável...Resta aos cariocas que por ali passam renderem-se ao aroma delicioso e arriscar uma guloseima..
Em breve postarei aqui uma receita de pipoca doce,que parece fácil mas tem seus segredos...

fonte:http://pt.wikipedia.org/wiki/Pra%C3%A7a_Quinze_de_Novembro_(Rio_de_Janeiro)
http://pt.wikipedia.org/wiki/Valentim_da_Fonseca_e_Silva
http://cafehistoria.ning.com/profiles/blog/show?id=1980410%3ABlogPost%3A11446
http://www.serqueira.com.br/mapas/riosec19.htm
http://www.espacoacademico.com.br/070/70jsf.htm

segunda-feira, 9 de agosto de 2010

Falando de Cupcakes-Cupcake mesclado

Confesso que sou apaixonada por Cupcakes desde sempre. De todos os doces ingleses esse é o melhor,mais fácil e mais saboroso...Já tentei muitas receitas do doce, assado e confeitado individualmente e a cada dia aparecem mais opções...Aqui no Brasil eles viraram febre e não há blog ou site de culinária que se preze que não tenha uma receitinha ou dica..E o bolinho virou fashion,enfeita editoriais de moda, inspira designers e estilistas,ganhou lojas específicas e inspira paixões...Mas de onde veio o Cupcake? A primeira menção ao nome vem do livro Seventy-Five Receipts for Pastry,Cakes anda Sweetmeats de Eliza Leslie de 1828 e indica a procedência inglesa do Cupcake,sendo associado à infância e à imaginação...De minha parte podem esperar muitas receitinhas com o famoso bolinho,que,diferente do que pensam muitos,não é similar ao Muffin embora tenham receitas parecidas.A diferença esta no estilo,uma vez que muffins geralmente não são confeitados,ao contrário do Cupcake que é uma versão mini e individual de um bolo de aniversário...Já pensou que luxo? Apresento aqui uma receitinha bem básica do Cupcake mesclado...Em breve trarei mais alguns roteiros de decoração e recheios... PS: Existem inúmeras receitas de bolinhos,umas usando óleo e outras apenas com o leite.Achei essa num site e desde então tenho usado e abusado dela.O único inconveniente é que as porções são pequenas,nada mais do que 10 unidades por receita...Nesse caso costumo dobrar e ate quadruplicar os ingredientes...



Receita básica de Cupcakes:
125 g de açúcar (1 xícara bem cheia de açúcar)


125 g de farinha de trigo (1 xícara bem cheia)


125 g de margarina ou manteiga (3 colheres cheias de manteiga



2 ovos


1∕2 colher de chá de essência de baunilha



1 colher de chá de fermento em pó



2 colheres de sopa de leite

Modo de fazer:
Misturar açúcar,farinha e fermento peneirados batendo em velocidade alta.



Adicionar os ovos,batendo sempre. Adicionar a baunilha.

Depois da massa bem misturada,adicionar as duas colheres de leite ,mexendo levemente com uma colher.



Colocar duas colheres cheias de massa à forminha.



Assar em forno médio (255°C) por 20 min.



Dica:Procuro assar os Cupcakes sobre uma forma colocada nas grades do forno.Isso ajuda a não queimar a massa,uma vez que meu forno é um pouco temperamental.



Dica:Na hora de assar,se não tiver as forminhas redondas de alumínio vale colocar mais de uma forminha de papel em cada porção para manter o bolinho firme.Eis um exemplo do que pode acontecer:


Recheio: Brigadeiro de colher

1 lata de leite condensado



4 colheres de sopa de Nescau



1 colher de sopa de margarina

Modo de fazer: Misturar os ingredientes.

Levar ao forno,mexendo sempre ate o conteúdo desgrudar do fundo da panela...
Deixar esfriar


Cobertura de Chocolate branco:

1 barra de 200g de chocolate branco




6 colheres de sopa de creme de leite

Modo de Fazer:

Derreter o chocolate no microondas por 1 min na potência alta.

Se não derreter por completo não tem problema,você pode retirar o pote e mexer o chocolate ate derreter todos os pedaços.

Adicionar o creme de leite.

Mexer até incorporar o creme ao chocolate.Reservar





Montagem:

O Cupcake deve estar frio para a decoração.



Abra um orifício no meio do bolo com uma faca.

Retire a tampa e recheie com uma colher de chá de brigadeiro .

Recoloque a tampinha ,pressionando levemente com uma faca.

Com uma colher de sopa,vá espalhando o chocolate branco sobre o Cupcake.

Decore com confetes,enfeites de marzipan ,biscuit ou pedaços de chocolate.




Corte do cupcake:




Segue passo a passo da decoração em vídeo:


video

Torta de Morangos ou Peripécias no Dia dos Pais




Porque é dia dos pais e não custa nada agradar o próprio com um pouquinho de Glamour e o status do Morango é indiscutível. Aproveitemos então que é época da fruta no Rio de Janeiro pra preparar esse bolo bem simples mas que fica bem gostosinho.Infelizmente não tenho o passo-a-passo documentado com fotos ainda mas estou adorando essa perspectiva como desculpa para fazer essa torta novamente...

Falando do morango:
Até o sec. XV a fruta crescia livremente por aí, até o descobrimento da América, quando veio para o cardápio de receitas do novo e do velho continente, trazendo o benefício da Vitamina C, B5 e do ferro que respectivamente combatem a gripe, melhoram a pele e auxiliam os sistemas nervoso e digestivo. Recentemente foi descoberto que o consumo de 2 xícaras de morango auxiliam a diminuição do colesterol. Infelizmente também é o fruto com maiores índices de agrotóxico. Combinado com o chantilly resulta numa sobremesa linda. Aqui no Rio a frutinha é tão festejada que algumas bomboniéres preparam festivais com tortas,bolos e tortelletes tendo como ingrediente principal o morango. Além disso, acompanhando espumantes ou champagne é uma excelente pedida,sozinha ou acompanhada....

A Receita:
Bolo
• 4 ovos
• 2 xícaras de açúcar
• 2 xícaras de farinha de trigo
• 1 colher de sopa de fermento em pó
• 1 pitada de sal
• 8 colheres de sopa de água

Recheio de Morangos
• Duas caixas de morango lavados e picados
• 3 colheres de sopa de açúcar
• 1/2 xícara de água



Cobertura:
• Chantilly pronto, chantilly fresco, Chantymix ou marshmallow (na receita foi usado chantymix), 1 caixa de morangos para decorar

Modo de fazer

• Bater as claras em neve. Acrescentar açúcar peneirado,as gemas,sal e a água,batendo sempre em velocidade alta.
Parar de bater e acrescentar aos poucos a farinha e o fermento peneirados, mexendo levemente.

Dica: O segredo de uma massa fofa é aerar bem, deixar o ar entrar na massa. Por isso os ingredientes devem ser peneirados e a clara deve estar em ponto de neve.Já tentei seguir a pratica fast-food de misturar todos os ingredientes e realmente faz diferença.


Untar uma forma de 30 cm com manteiga e farinha. Se quiser, pode-se colocar papel manteiga,o que facilita a retirada da massa.Para isso,deve-se untar com manteiga ou margarina a forma,colocar o papel de modo que sobre para fora da forma e então untar novamente o papel com margarina e farinha.Adicionar a massa e assar por cerca de 20 min. em temperatura media.

Dica: Meu forno é muito forte, apesar de não ser industrial, então gosto de colocar uma forma sobre a grade para elevar um pouco a altura da forma onde estará a massa.

Como sei que está pronto?Depois de 20 min abrir com cuidado o forno e espetar um palito na massa. Se sair limpo,pode apagar o forno e esperar esfriar.



Chantilly

Chantymix
• 1 litro de chantymix em caixa resfriado por 12 horas e batido em velocidade alta.

Obs:
A ideia nesse caso era fazer a decoração com chantilly, mas o ingrediente estava em falta no meu bairro então me virei com Chantymix da Vigor, que tem um sabor próximo á baunilha. Na embalagem o fabricante recomenda 12h de resfriamento.Ainda assim por algum motivo o chantilly ficou similar a marshmallow,sem consistência mais firme o que impediu a decoração.Ainda assim ficou bem simpático.



Chantilly pronto: Algumas confeitarias vendem o chantilly pronto para usar. Nesse caso é só colocar no saco de confeitar e usar a imaginação.

Chantilly fresco: Melhor opção. Em geral uso o creme de leite fresco ECILA.Costumo colocar no freezer por 1/2 hora e bater em velocidade media por 5 minutos,tomando o cuidado de não engrossar demais, senão vira manteiga.O ponto do chantilly para confeitar é similar ao de um purê de batatas.Sei que a referência pode chocar alguns amantes do creme, mas a mim parece bem semelhante.Quando estiver quase pronto, adicionar duas ou três colheres de sopa rasas de açúcar.

Montagem:

• Cortar o bolo ao meio para rechear ainda morno.
• Molhar a massa com a calda do marinado de morangos.
• Espalhar o morango pelo bolo e acrescentar o creme.
• Molhar a outra metade com a calda.
• Espalhar o creme restante pelo bolo fazendo uma camada lisa. No caso do Chantymix. Pode exagerar na camada, caso você também não consiga uma consistência firme.Os morangos em pedaços se encarregam de decorá-lo.(Para o chantilly , usar o saco de confeitar para pontilhar pitangas grandes ao longo do bolo, alternando com metades de morangos.
• Conservar em geladeira.
Obs. A torta da foto tem duas receitas de bolo, por isso ficou um pouco mais alta.

Trilha Sonora da Execução: The Cranberries

The Cranberries-Ode to my family


Fonte – História do morango:
www.brasilescola.com
http://www.todafruta.com.br/portal/icNoticiaAberta.asp?idNoticia=18357
http://www.nutricaoemfoco.com/2009/09/22

Pra começar-(com direito a café e bolo)

Doces.Em qualquer momento da vida eles estão presentes,seja na comemoração de aniversários,casamentos,festinhas em geral ou mesmo naquele intervalo de almoço onde buscamos tornar suportáveis as próximas horas de agonia,digo,trabalho.Em dietas de restrição de calorias eles são geralmente renegados a segundo plano,dificultando a vida de chocólatras e "doçólatras" necessitados de fazer as pazes com a balança ou simplesmente preocupados com a boa forma.Mas afinal onde pode haver pecado em um singelo brigadeirinho vez por outra ou mesmo no sagrado bombom da tia da esquina?Isso para não falar no obrigatório bolo da casa da avó,useira em dinamitar os projetos light dos netos com receitas infalíveis para fins de tarde,reunindo a família em torno de um tabuleiro disputadíssimo.
Passatempo de alguns,profissão de outros,a arte de fazer doces já encantava gregos e romanos,que abusavam de receitas com mel e frutas chegando até o Olimpo onde a Ambrosia, famosa nas nossas Minas Gerais ,era o supremo alimento dos deuses.Na França Absolutista,os "Luises" em seus tronos não dispensavam as criações de seus cozinheiros,a famosa pâtisserie francesa,retratada no filme Maria Antonieta de Sofia Coppola.Na história,a princesa degusta tortelletes e bombons à granel com sofreguidão tamanha que chega a causar inveja ao pobre espectador.
Aqui no Brasil a miscigenação cultural provocou a rápida expansão doceira em território nacional.Das ervas e frutas indígenas aos doces com ovos característicos da culinária dos colonizadores portugueses resultaram receitas incríveis,compotas de frutas,doces de leite de sonho, brigadeiros, cocadas e manjares de se comer rezando,tortas e bolos que congregam apreciadores e curiosos, unindo arte e cultura em tachos e colheres de pau, nas festas religiosas Brasil afora, datas comemorativas ou mesmo tardes despretensiosas acompanhando nosso tão popular cafezinho.
Esse blog foi feito com a intenção de compartilhar não só receitas de doces simples mas o exercício e o prazer de transitar por entre leite condensado e açúcar,sem esquecer é claro do sagrado chocolate de todo dia.Sintam-se em casa.